Quem Somos | Central de Atendimento | Clientes

 

LiveZilla Live Chat Software

Formiga Biologia do Inseto

As formigas tem sucesso em uma grande quantidade de ambientes, pois podem utilizar-se de uma grande variedade de alimentos. Elas freqüentemente se alimentam de diversos produtos afim de aproveitar os recursos disponíveis no ambiente em que vivem. Elas utilizam uma grande variedade de plantas e matérias animais, mas muitas espécies mostram preferência por alimentos ricos em açúcar, carboidratos, óleos e proteínas. Algumas espécies são predadoras eficientes de outros insetos e aranhas e mais de 30% da dieta das formigas é oriunda de artrópodos.

As operárias não se alimentam de sólidos, mas usam suas mandíbulas para quebrar alimento sólido e aproveitar os líquidos oriundo destes. Os alimentos líquidos são armazenados em um papo que posteriormente é passado para outras operárias, larvas, e rainha(s). Este fenômeno de transferência de alimento é denominado trofalaxia.

Larvas de estágios mais avançados podem digerir alimento sólido. As operárias oferecem pedaços de alimentos que são depositados em uma bolsa infrabucal. As larvas regurgitam enzimas digestivas que digerem o sólido tornando-o líquido. As operárias coletam este alimento digerido e passam por trofalaxia para as demais membros da colônia. O alimento fornecido para as operárias é rico em proteínas e óleos, já as operárias alimentam-se de substâncias ricas em açúcares e carboidratos.

As preferências alimentares podem estar relacionadas com eventos que ocorrem na colônia, tais como vôo nupcial, produção de cria ou preparação para um inverno rigoroso.

Espécies de formigas urbanas:

Formiga Faraó (Monomorium pharaonis)

Formiga FaraóOs adultos são amarelos e pequenos. Possuem dois nós no pedicelo, a antena possui 12 segmentos e um grupo de três segmentos maiores a ponta. As colônias possuem um número muito grande de operárias, e possuem centenas de fêmeas reprodutivas em cada colônia. As novas colônias são formadas facilmente, necessitando somente de uma fêmea fértil e algumas operárias, bastando para isso migrarem para fundar uma nova colônia. Deve-se tomar cuidado quanto encontradas em hospitais, pois já foram detectadas pelo menos 12 bactérias patogênias em seus corpos. Estão normalmente localizadas em locais de difícil acesso como vãos de paredes, atrás de armários, em forros, etc. Atacam uma variedade muito grande de alimentos, variando de sucos de frutas a carnes e insetos mortos.

Formiga do Fogo (Solenopsis spp)

Formiga do fogoComumente chamadas de lava-pé. Possuem dois nós no pedicelo e um ferrão no abdômen. A antena possui somente 10 segmentos e no final um grupo com dois segmentos maiores. Formam ninhos em montículos de terra que são circulares, e se localizam normalmente em áreas externas como embaixo de pedras ou cobrindo objetos.

Cada colônia possui o seu território próprio, e podem ser atraídas por equipamentos eletrônicos causando sérios problemas. Essa espécie se alimenta de quase tudo, seja planta ou animal, tendo preferência por alimentos com proteínas.


Formiga Carpinteira (Camponotus spp)

Formiga carpinteiraPossuem somente um nó no pedicelo. Seu toráx quando visto de lado é uniformemente arredondado. Esta espécie de formiga possui colônias de tamanho moderado, possuindo em média três mil operárias. Podem construir ninhos satélites ligados a um ninho maior no solo.

Normalmente atacam madeiras que foram afetadas por fungos, ou madeiras mortas de árvores, apesar de não comerem a madeira. Dentro da casa, normalmente se alimentam de doces, ovos, carnes, bolos, etc.

As operários percorrem distâncias que atingem até 90 metros do ninho em busca de alimentos, sendo que podem penetrar por portas, janelas, vasos, etc.

Formiga Argentina (Iridomym ex humilis)

Formiga ArgentinaPossuem somente um nó no pedicelo e um tórax desuniforme. A cor varia de claro a um marrom escuro. Antena com 12 segmentos, sem segmentos maiores.

Normalmente a colônia está localizada próxima a fonte de alimento (açúcar e doces) e água., como pias, canos, potes de plantas, etc. Possuem muitas rainhas e muitas vezes são agressivas, eliminando outras espécies de formigas do local.


Formiga Maluca (Paratrechina s.p)

formigaPossuem somente um nó, pernas e antenas extremamente longas em comparação com o corpo. As antenas possuem 12 segmentos, sendo o primeiro segmento grande. A cor varia de um marrom escuro para um preto.

São conhecidas por este nome por serem muito rápidas na sua movimentação. As colônias normalmente são pequenas, compostas de 2.000 operárias e de 8 a 40 rainhas. São conhecidas por abandonar o local do ninho e mudar para outro.

 

 

 

Central de Atendimento - Ligue Grátis - 0800.701.4022 | Central de Vendas - (21) 2504-5525 | Reclamações - sac@tamandua.com.br

Horário do Atendimento via Telefone ou Chat : Segunda à Sexta das 8:00 hs às 18:00 hs / Sábado das 8:00 hs às 12:00 hs - exceto feriados

Avenida Paulo de Frontin, 600 - Rio Comprido, Rio de Janeiro - RJ - 20261-240

 

 

 

facebook  twitter  inea